Necessidade faz Mãe criar empresa de produtos hipoalergênicos
16 de Janeiro de 2018
Empreendedoras Criam “Nova Versão do Tinder” Para Moradia Compartilhada
18 de Janeiro de 2018
Exibir tudo

Foto/Reprodução

Ex-catadora de lixo viu no universo da moda uma oportunidade de empreender. Veja como!

 

Sandra Passos, 28, nasceu e foi criada na cidade de São Gonçalo, região metropolitana do Rio de Janeiro. Teve uma infância muito difícil, sem muitas condições. Até sua adolescência viveu e trabalhou no antigo lixão da Itaoca, no complexo do salgueiro.

A chance de mudar de vida bateu a sua porta quando ainda tinha 13 anos de idade. Foi quando um caçador de talentos a descobriu em um concurso de beleza que Sandra participava como opção de ter uma qualidade de vida.

Agora, depois de se estabilizar do outro lado do mundo, na China, ela retorna a São Gonçalo com o objetivo de escolher novos talentos para uma temporada de seis meses no país do dragão asiático, onde se tornou empreendedora e tem uma agência de modelos.

— Tenho falado para esses jovens que isso não é um concurso, é um projeto para mudar de vida — disse Sandra. — Em 2014, vim a São Gonçalo para visitar parentes e percebi que poderia ajudar gente com histórias semelhantes à minha.

Após rever e matar a saudade da família, Sandra abriu uma agência. Bem no começo desse trabalho, ela fazia apenas uma ponte entre modelos brasileiras e empresas estrangeiras. Hoje, tem seu próprio cast.

— No ano passado, levamos duas jovens para fazerem um curso conosco e trabalharem como modelos por seis meses. A experiência deu certo, e achei que chegou a hora de fazer algo maior — afirmou a empresária.

No evento que promoveu recentemente, o Rio Model Management, Sandra e sua equipe selecionaram 20 modelos, entre homens e mulheres. Eles farão um workshop, e alguns viajarão para China já no mês que vem.

— Ainda não fechamos um número de jovens, mas tenho certeza que encontraremos rostos que vão chamar a atenção do mercado oriental.

Na China, eles terão aulas, acomodações e alimentação. Foi a forma que encontrei para ajudar alguns jovens de São Gonçalo — contou Sandra.

 

*Entrevista concedida a Agência O Globo.

Cia Magistral
Cia Magistral
Criado em 1989, o curso conta com técnicas próprias, desenvolvidas pela fundadora da empresa, Isolene Niedermeyer, e ensina de maneira prática e eficaz, os seus alunos a fabricar lindas lingeries com a qualidade que o mercado exige. Mesmo se o aluno nunca costurou é possível aprender. Desde a sua criação, o Curso de Confecção de Lingeries Cia. Magistral já formou mais de 300 mil alunos em todo o Brasil e continua contribuindo com uma formação plena e profissional contribuindo para o crescimento individual de cada profissional e a realização dos seus sonhos.
//]]>