Estudantes dão exemplo de empreendedorismo criativo e criam produto revolucionário
12 de janeiro de 2018
Moda Retrô Faz Estilista Faturar mais de R$ 5 mil Por Mês
15 de janeiro de 2018
Exibir tudo

Foto/Reprodução

Jane encontrou na alternativa de muitos salões de beleza o caminho para o sucesso.

A admiração pelo o universo da beleza fez com que Jane Muniz, quando teve oportunidade, investisse neste vasto mercado. A ajuda financeira veio de seu esposo – Marko Porto, que na época tinha sido demitido e com o dinheiro que arrecadou com a quebra do contrato trabalhista, aplicou todo para ver o sonho da esposa se tornar realidade.

“Nós abrimos um salão de beleza e o negócio deu muito certo. Tão certo que, em pouco tempo, recebemos a proposta de comprar um outro salão”. Disse Muniz

Entretanto, o fato de expandir e crescer não passou de uma ilusão. A empreendedora revela que a aquisição da segunda unidade foi uma má decisão, pois a abertura do segundo salão provocou a falência do primeiro. O motivo, por dividir produtos e funcionários entre as duas unidades.

Quando se deu por conta já estava cheia de dívidas e então o quadro da situação da empresa era insustentável. Até que aconteceu o que ela temia: Fechar as portas. Decepcionada, Jane chegou a pensar em desistir de empreender e acabar de vez com o próprio negócio.

Diante das dificuldades a força de vontade e um conselho amigo reanimaram a empreendedora. “Ela falou que não estava me reconhecendo, perguntou onde estava toda a minha garra. Então, liguei para todo mundo e falei “devo, não nego e pago quando puder”. Vou reabrir o meu salão.”.

O Recomeço foi um pouco lento, mas mesmo aos poucos Jane conseguiu fidelizar uma boa clientela que elogiava seus serviços como design de sobrancelhas. A divulgação foi de uma maneira simples, boca a boca.

Considerado por muitos profissionais como serviço complementar nos salões, para Jane foi o caminho principal para o sucesso. Então o marido dela fez uma pesquisa de mercado e encontraram um novo nicho para apostar todas as fichas.

“Muitos profissionais focam em serviços mais caros, como tintura de cabelo e hidratação, para ter lucro. Eu descobri que cuidando das sobrancelhas com atenção especial eu conseguiria muito mais clientes”.

Para Paula Guedes, especialista em empreendedorismo, focar em ponto especifico para desenvolver o negócio foi a melhor escolha de Jane Muniz. “Quando você foca em algo, se torna melhor que os outros. A Jane escolheu um mercado que envolvia muitas pessoas, porque todo mundo tem sobrancelha. Então, ela não restringiu o público que poderia ter interesse pelo serviço”.

Hoje, Jane tem uma rede de franquia da Spa das sobrancelhas com mais de 400 lojas no Brasil todo. Além disso, possui duas unidades próprias e coordena uma escola de formação de embelezamento na qual já formou mais 5mil profissionais.

Cia Magistral
Cia Magistral
Criado em 1989, o curso conta com técnicas próprias, desenvolvidas pela fundadora da empresa, Isolene Niedermeyer, e ensina de maneira prática e eficaz, os seus alunos a fabricar lindas lingeries com a qualidade que o mercado exige. Mesmo se o aluno nunca costurou é possível aprender. Desde a sua criação, o Curso de Confecção de Lingeries Cia. Magistral já formou mais de 300 mil alunos em todo o Brasil e continua contribuindo com uma formação plena e profissional contribuindo para o crescimento individual de cada profissional e a realização dos seus sonhos.
//]]>